Tonowhere

12 motivos para começar a correr

12 motivos para começar a correr

12 motivos para começar a correr

Conheça 12 motivos para começar a correr e comece a praticar hoje mesmo! Não sabe como iniciar? Temos um post com 10 passos para começar a correr, confira!

Atenção! Como toda atividade física, é importante ter o acompanhamento de um profissional de educação física e uma avaliação médica para verificar se você esta apto a praticar.


Correr ajuda no emagrecimento e na redução do risco de doenças cardiovasculares além de ser uma atividade que pode ser realizada a qualquer momento do dia, sozinho ou acompanhado.

Alguns dos benefícios da corrida são:

O esporte mais democrático

A corrida é um esporte realmente simples. Você não precisa de parceiros nem alugar uma quadra. Não precisa comprar nenhum acessório, basta um tênis minimamente adequado para sair correndo por ai. Sua corrida pode ser super comprometida com resultados ou não ter compromisso nenhum, você pode correr rápido ou correr devagar, é você quem decide.

Auxilia na manutenção do peso

   A corrida é um excelente esporte para manter ou perder peso. De acordo com as literaturas, o gasto calórico durante os treinos varia muito em função de idade, sexo, composição corporal, intensidade e duração do treino. Sabe-se que, em média, uma sessão de 30 minutos de corrida queima cerca de 300 calorias, mas questiona-se em algumas pesquisas se esta atividade possui alguma efetividade na redução de peso de um indivíduo adulto.

Melhora o fluxo sanguíneo

A movimentação dos membros inferiores, seja em corridas ou caminhadas, aumenta o fluxo da circulação do sangue e melhora o retorno do sangue venoso ao coração. Isso ocorre devido ao maior estímulo dos músculos, sobretudo da panturrilha, que atua como um verdadeiro coração das pernas, ajudando a transportar o sangue rico em oxigênio e nutrientes de volta ao coração. Por promover uma melhora na circulação, a corrida e a caminhada contribuem para fortalecer a parede dos vasos sanguíneos, ajudando a impedir a dilatação e obstrução de veias e artérias, responsáveis por desencadear o aparecimento de diversas doenças vasculares. 

Auxilia a manter níveis ideais de colesterol

A prática da corrida e da caminhada também é um importante hábito preventivo para combater os fatores de riscos – como colesterol alto, hipertensão e diabetes – que podem favorecer o aparecimento de complicações vasculares.

Melhora a resistência insulínica

A corrida é uma poderosa ferramenta no controle/combate da diabetes.
Indivíduos diabéticos ou com síndrome metabólica podem ter um enorme benefício quando praticam exercícios físicos. Esses indivíduos passam a secretar menos insulina até 72h após uma sessão de treinamento. Outro detalhe importante é que quanto maior for a intensidade do exercício maiores são os benefícios.

Auxilia no controle da pressão arterial e reduz o risco de infarto

A corrida é uma poderosa ferramenta no controle/combate da diabetes.
Indivíduos diabéticos ou com síndrome metabólica podem ter um enorme benefício quando praticam exercícios físicos. Esses indivíduos passam a secretar menos insulina até 72h após uma sessão de treinamento. Outro detalhe importante é que quanto maior for a intensidade do exercício maiores são os benefícios.

Várias adaptações fazem com que o risco de Infarto seja muito diminuído em até 4x nas pessoas praticantes de atividades físicas aeróbias! A medida que nos envolvemos com o treinamento aeróbio bem orientado o nosso corpo começa a entender esse estilo e por isso começa a se adaptar a ele. Mudanças como o fortalecimento do músculos do coração (miocárdio), redução da pressão arterial, diminuição do colesterol e da glicemia, entre outras adaptações, são os principais responsáveis pela saúde de quem corre!

Melhora a imunidade

A corrida moderada promove a diminuição do estresse e faz com que o organismo se fortaleça, ou seja, a atividade física e a imunidade estão diretamente relacionadas. Quando permanecemos ativos fisicamente, impulsionamos o nosso sistema imunológico, o que aumenta a quantidade de glóbulos brancos que ajudam no combate de doenças. Alguns estudos indicam que a efetividade de vacinas em idosos é maior quando eles têm uma vida ativa e uma rotina de exercícios, podendo chegar à 90% quando comparados com pessoas sedentárias.

Melhora memória e raciocínio

A ciência confirma: correr estimula o cérebro e melhora as funções cognitivas. Muito se fala sobre o bem-estar que a corrida provoca com a liberação de serotonina, dopamina, endorfina e até endocanabinoides. Mas pesquisas recentes vão além e garantem que a corrida melhora a memória, a concentração, a capacidade de planejamento e raciocínio lógico, por exemplo.

Ajuda a prevenir a osteoporose

O exercício físico que gera impacto e/ou tensão constitui um importante estímulo para a formação e fortalecimento dos ossos, pois transmite ao organismo a mensagem de que ele precisa aumentar a massa óssea para resistir ao impacto. Além disso, estimula a absorção de cálcio no organismo.

Ajuda a prevenir e tratar a depressão e ansiedade

Estudos mostram que usar corrida como antidepressivo pode ser eficaz no tratamento da depressão leve a moderada.

Te apresenta novos amigos com hábitos saudáveis

Por mais que você corra sozinho, sempre irá se deparar com outros corredores em ruas e parques. Acredite, você acabara fazendo novos amigos enquanto corre!

Te vicia a querer melhorar sempre

A medida que os resultados começam a aparecer e seus números melhorares, é natural sentir a vontade de melhora-los ou chegar mais longe na corrida.

Como obter os benefícios da corrida

O mais importante em qualquer atividade física é a constância. Para obter todos os benefícios da corrida, é preciso torna-la um habito. Recomenda-se praticar de 2 a 3 vezes por semana e durante 20 a 60 minutos de cada vez.

Posso praticar atividade física se já tenho uma doença vascular?

Na grande maioria dos casos, sim. Aliás, a corrida e a caminhada fazem parte do tratamento de pacientes que sofrem com algumas doenças vasculares bastante comuns,  como as varizes, ou que apresentam fatores de risco para o desenvolvimento de um problema vascular. Contudo, vale ressaltar que o paciente deve passar por uma consulta inicial com um especialista. Pacientes que tiveram doenças mais graves, como AVC ou aneurismas, precisam passar por um programa de reabilitação acompanhado por profissionais antes de praticar exercícios físicos. É importante, também, promover uma mudança nos hábitos de vida de maneira geral. Aliar uma alimentação equilibrada com a prática de atividades físicas, por exemplo, pode trazer ainda mais benefícios para sua saúde vascular. 

Como iniciar na corrida

Conseguir correr por 25 minutos sem parar é um ótimo número.  Nós temos um passo-a-passo infalível para chegar nesses valores, confira aqui!