Ubatuba é o local ideal para o cicloturismo. Apesar da malha de ciclovias ser insuficiente, a cidade conta com diferentes tipos de terrenos: praias, trechos por onde passam rios, montanhas, terra e asfalto, incluindo todo o lado do ‘sertão’ da cidade com trilhas para bike em meio à mata atlântica.

Squiggly Line

Apesar de ser reconhecida nacionalmente como a Capital do Surf, diversas provas de corrida de aventura e mountain biking têm sido realizadas na cidade. Além disso, Ubatuba possui parte do Parque Estadual da Serra do Mar, o Parque Estadual da Ilha Anchieta, a Área de Proteção Ambiental Marinha do Litoral Norte, além da Estação Ecológica Tupinambás e um pedaço do Parque Nacional da Serra da Bocaina.

Conheça Lugares Históricos

Casarão do Porto Paço Nóbrega Rota Indígena Rota Caiçara Rota Quilombola Casa da Farina

Visite Praias

Se você visitar uma praia por semana em Ubatuba, precisará de mais de 2 ano para conhecer todas. São 102 praias espalhadas em cerca de 24 ilhas e ilhotas divididas nas regiões: Sul, Centrais e Norte.

Conheça a Biodiversidade

Ubatuba possui uma das maiores biodiversidades de aves do Brasil, com cerca de 565 espécies ou quase 6% de todas as espécies do planeta. 72 delas você só encontra em Ubatuba!

Faça passeios turísticos

Passeios de lanchas e escunas são muito requisitados na cidade. Com eles, é possível conhecer praias isoladas e ilhas. Da praia da Picinguaba, é possível fazer passeios para a Ilha das Couves. Já das praias do Félix e Prumirim, se pode visitar a Ilha do Primirim. Outros locais recomendados são: – Castelo dos Arautos – Ilha Anchieta – Aquário de Ubatuba – Projeto Tamar – Ruínas da Lagoinha – Passeios do Núcleo Picinguaba

Pratique Esportes

A Capital do Surf também é palco para Stand up Paddle, com competições nacionais e internacionais. O Boia CrossRapel e Arvorismo em cachoeiras ou na Mata Atlântica próximo às copas das árvores, Skate, e o Cicloturismo.

Acessos

A cidade pode ser acessada por duas rodovias: BR101 conhecida como Rio-Santos; SP383 conhecida como Rod. Oswaldo Cruz para quem vêm de Taubaté. Ambas possuem um visual incrível com vista da Mata Atlântica e do Mar de Morros do Vale do Paraíba e Litoral Norte.

Ciclovias e Ciclofaixas

Mesmo com todos os atrativos da cidade, a malha de ciclovias e ciclofaixas é bastante pequena, ineficiente e muitas vezes perigosa. Sempre há muitas pessoas andando pelas ciclofaixas e até mesmo carros estacionados. Para quem deseja visitar as praias do norte e do sul, não há nenhuma proteção para o ciclista e, por este motivo, não recomendamos seu uso durante a alta temporada. Os trechos da Rio-Santos possuem acostamentos muito perigosos e mal sinalizados.